AO VIVO
Fechar
©2024. Rádio Progresso. Todos direitos reservados. Política de Privacidade.

Governo de SC decreta emergência pela dengue

Mortes e alta de 650% nos casos e alta procura nas unidades de saúde motivaram decreto.

Por Rádio Progresso
Postado em 22 de fevereiro de 2024 às 11:00.00

Autoridades participaram do ato, em Joinville (Foto: Fernanda Eliza/A Notícia)

O Governo do Estado assinou o documento que decreta situação de emergência em Santa Catarina por causa da crescente no número de casos e mortes por dengue. O ato aconteceu na manhã desta quinta-feira (22) em Joinville, cidade catarinense que mais tem óbitos e enfrenta o pior cenário da doença. Este é o terceiro ano seguido que SC vive uma epidemia e declara emergência na saúde pública por causa da doença.

Durante a coletiva de imprensa, a secretária de Estado de Saúde, Carmen Zanotto citou que o clima tem influenciado na proliferação do Aedes aegypti e que, por este motivo, a Defesa Civil também está envolvida na fiscalização e combate á doença.

— Temos que entender que o que estamos vivendo pode ser entendível como um desastre climático — afirmou.

No Estado, o número de casos prováveis em 2024 já é 650% maior do que no mesmo período do ano passado. Além disso,155 cidades catarinenses estão infestadas pelo Aedes aegypti e, em dois meses, unidades de saúde já registram filas e superlotação, além de oito mortes confirmadas.

Neste ano, já foram registrados 17.696 casos prováveis de dengue em 177 cidades. Também foram identificados 12.885 focos do Aedes aegypti em 215 dos 295 municípios. A alta em números de casos confirmados e mortes fez com que oito cidades de Santa Catarina decretassem situação de emergência pela doença. São elas:

Florianópolis;

São José;

Balneário Piçarras;

Coronel Martins;

Penha;

Itapiranga;

Araquari;

Joinville.

Fotos:
Fonte: NSC Total